Pesquisadores voltam à Antártica para avaliar condições de equipamentos

Pesquisadores do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) voltam à Antártica para avaliar as condições de funcionamento dos equipamentos do instituto e transferir para outro local módulos mantidos na Estação Científica Comandante Ferraz, que pegou fogo no dia 25 de fevereiro.
O Inpe está no continente há cerca de 30 anos. Atualmente, o instituto mantém três projetos de pesquisa na Antártica, que agrupam estudos sobre dinâmica da atmosfera, camada de ozônio, meteorologia, gases de efeito estufa, radiação ultravioleta, transporte de poluição, oceanografia, interação oceano-atmosfera e relação Sol-terra.
Segundo o Inpe, seus laboratórios não foram afetados pelo incêndio, ainda sob investigação. As duas unidades mais próximas da estação eram os módulos Ozônio e o Meteoro. O módulo Ionosfera fica a aproximadamente 300 metros do local do incêndio e o módulo Alta Atmosfera fica a cerca de 1 quilômetro (km) de distância. O Inpe também processa dados coletados pelo módulo remoto Criosfera 1, que fica a cerca de 2,5 mil km da Estação Comandante Ferraz.
Alguns equipamentos, como os que fazem medidas sobre a camada de ozônio, serão reinstalados em áreas de outros países que têm acordo de cooperação com o Brasil. A missão dos pesquisadores do Inpe também leva fontes para a alimentação elétrica dos módulos, interrompida com a destruição dos geradores a diesel. Durante o verão no Hemisfério Sul, os equipamentos podem ser alimentados por energia solar. E, durante todo o ano, podem ser alimentados por energia eólica, produzida pela força dos ventos.

Adaptado Agência Brasil
Fonte: http://www.clicrbs.com.br/anoticia/jsp/default.jsp?uf=2&local=18&section=Pol%C3%ADtica&newsID=a3695750.xml 



Notícias Anteriores

Programação SNCT 2014 – São Paulo, Campinas e Rio de Janeiro

A Semana Nacional de Ciência e Tecnologia é um grande evento promovido anualmente por universidades, museus, centros, instituições e fundações de apoio à pesquisa de todo o Brasil, sob a coordenação do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação. O tema desta 11a. edição é ‘Ciência e tecnologia para o desenvolvimento social’ e dentro deste contexto [...]



DOI atribuído aos Artigos do Annual Activity Report INCT-APA

Gostaríamos de anunciar a todos mais uma conquista para o nosso Annual Activity Report of INCT-APA. Depois do ISSN que é o registro internacional para publicações em formato periódico, agora também temos o DOI (Digital Object Indentifier System) para cada artigo publicado dentro dos volumes 2009, 2010, 2011 e 2012, e para todos aqueles que [...]



Homenagem ao Prof. Dr Edmundo Ferraz Nonato

Faleceu esta semana em São Paulo o Prof. Dr Edmundo Ferraz Nonato. Nonato, apaixonado declarado pela Oceanografia, colaborou substancialmente para a construção de conhecimentos científicos na pesquisa antártica e deixa, além de muitos amigos e alunos, um grande exemplo de envolvimento e dedicação que um pesquisador pode ter com seu trabalho. Edmundo Ferraz Nonato (1920 [...]



O INCT Antártico mergulha mais fundo na próxima OPERANTAR

Através de auxílio do CNPq, o INCT-APA adquiriu recentemente um micro R.O.V. (veículo não tripulado dotado de câmeras e sensores) com a finalidade de caracterizar o fundo marinho e estimar a distribuição dos organismos na região da Baía do Almirantado, na Ilha Rei George, Antártica. A preparação para esta missão ocorreu na última semana. De [...]



Simpósio Brasileiro de Pesquisa Antártica (SBPA) terá apoio da APECS-Brasil

Este ano a APECS-Brasil foi honrada com o convite, feito pelo Dr Rocha-Campos, representante da Comissão Organizadora do XX SBPA para apoiar a organização deste evento, tão importante para a pesquisa polar no Brasil. O evento terá quatro dias de duração (24 a 27 de setembro) e uma proposta inovadora! No primeiro dia, organizado pela [...]



INCT-APA é avaliado pelo CNPq

 De 2 a 4 de julho, no Hotel Royal Tulip, Brasília foi realizado O II Seminário de Acompanhamento e Avaliação dos Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia (INCT). O objetivo do seminário foi acompanhar os resultados alcançados nos projetos de pesquisa ao longo dos últimos três anos, além de apresentá-los à sociedade científica nacional e [...]



Participação de Pesquisadores do Módulo 2 INCT-APA na IX Semana Polar 2013

Anualmente a APECS-Brasil, em conjunto com a APECS internacional, realiza atividades de integração entre a ciência e a comunidade em geral. A IX Semana Polar Internacional ocorreu no período de março/abril em diversas escolas do país e do exterior. Entre os objetivos da Semana, está a divulgação da pesquisa antártica brasileira, dentro do escopo do [...]



Medalha Biologia Marinha Brasil

Neste último mês de maio, no dia 21, a coordenadora do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia Antártico de Pesquisas Ambientais , Drª Yocie Yoneshigue Valentin, foi prestigiada em solenidade pela Associação Brasileira de Biologia Marinha (ABBM) com a Medalha Biologia Marinha Brasil durante o 4º. Congresso Brasileiro de Biologia Marinha em Florianópolis, SC. Graduada [...]



O uso de crustáceos Gondogeneia antarctica como bioindicadores de impacto ambiental.

Gondogeneia antarctica são crustáceos de áreas rasas dos ecossistemas marinhos antárticos e são um elo importante na trama trófica detritívora, entre os produtores primários representados pelas macroalgas e os consumidores de segundo nível, representados por animais predadores, a exemplo de crustáceos maiores e diversas vertebrados, como peixes e aves. Por ser habitante de áreas rasas, G. antarctica [...]



Pesquisas da UFPR na Antártica.

Diversos pesquisadores da Universidade Federal do Paraná desenvolvem pesquisas na Antártica. Em Curitiba temos o Laboratório de Biologia Adaptativa do Departamento de Biologia Celular do Setor de Ciências Biológicas coordenado pela Dra. Lucélia Donatti. A Estação Antártica Comandante Ferraz – Baía do Almirantado é o local de estudo deste grupo de pesquisa há aproximadamente 25 [...]